14 ou 10 dias de isolamento? São conceitos diferentes!

As novas recomendações da DGS trouxeram alguma confusão à população quando introduziram o novo conceito dos 10 dias de isolamento. Ora, estes 10 dias não substituíram os 14 dias já implementados! Passo a explicar.

Pode estar perante uma de duas situações: ou teve contacto com um caso COVID19 ou foi-lhe confirmado COVID19.

Caso tenha tido contacto com um caso COVID19, tem de cumprir 14 dias de isolamento e não 10. Isto porque desde que foi exposto ao caso positivo, os sintomas podem surgir apenas ao 14º dia. De nada serve um teste negativo, já que o período de isolamento deve ser cumprido. Há sempre uma grande tentação da pessoa em ser testada, com intuito de se tranquilizar, o que é falso! Nos primeiros dias após o contacto com o caso COVID19, há uma grande probabilidade do teste ser negativo, o que “tranquliza” erradamente a pessoa que inconscientemente facilita nas medidas do isolamento.

Caso tenha sido confirmado como caso COVID19, deve estar isolado num período de pelo menos 10 dias, podendo prolongar-se em determinadas situações (sem melhoria dos sintomas, ser profissional de saúde ou cuidador de pessoas vulneráveis), estando a alta do isolamento dependente da decisão médica.