Blog com informação médica confiável para uma comunidade mais saudável e consciente. Saber Mais

Posso ajudar a manter-se atualizado sobre a saúde.

Receba gratuitamente dicas e conselhos de um médico de família

Padel: Um Guia Completo para uma Prática Sem Lesões

À medida que o Padel se torna a nova paixão desportiva, surge uma questão crucial: como desfrutar da diversão sem comprometer a segurança? Com a promessa de mais diversão e menos sedentarismo, é importante estar ciente dos riscos de lesão associados a este desporto em ascensão. Neste artigo, exploraremos a necessidade de praticar o Padel com moderação e ofereceremos dicas essenciais para uma prática segura e gratificante.
Padel: Guia para uma prática sem lesões

O Padel está rapidamente a tornar-se uma sensação global. 

Reconhecido pela sua acessibilidade e adaptabilidade, este desporto oferece uma mistura única entre diversão e benefícios para a saúde física e mental. 

No entanto, à medida que mais pessoas se unem a esta tendência, é crucial estar consciente dos riscos de lesão que podem surgir. Lesões como rupturas do tendão de Aquiles e traumatismos cranianos são comuns.

Apesar desses desafios, os benefícios do Padel superam os riscos quando medidas de precaução adequadas são tomadas. A preparação física adequada é fundamental, especialmente para iniciantes e aqueles não familiarizados com atividades físicas intensas.

Mas afinal o que é o Padel?

O Padel é um desporto que combina elementos do ténis e squash, jogado numa sala fechada por paredes de “vidro”. As regras do Padel são semelhantes às do ténis, mas com algumas diferenças, entre elas: a possibilidade de bater na bola após esta tocar no chão. A contagem dos pontos é similar à do squash.

O Padel pode ser praticado por toda gente?

Sim, o Padel pode ser praticado por pessoas de todas as idades e qualquer nível de habilidade. Devido à sua natureza acessível e menos exigente em termos físicos em comparação com o ténis tradicional, o Padel é uma excelente opção. Das crianças até aos idosos, o desporto oferece a oportunidade de participação para todos, independentemente do seu histórico desportivo ou condição física. Além disso, a facilidade de aprendizagem das regras básicas e a possibilidade de jogar em duplas tornam o Padel ainda mais inclusivo e divertido. Aliás, os campos de Padel estão espalhados por vários concelhos em Portugal, podendo neste espaços encontrar a possibilidade de receber aulas práticas para assim dominar o desporto.

O Padel oferece uma variedade de benefícios para a saúde física e mental. Alguns dos principais benefícios incluem:

  1. Melhoria da aptidão cardiovascular: devido aos movimentos rápidos e constantes.
  2. Aumento da coordenação e agilidade: jogar Padel requer movimentos precisos, o que pode ajudar a melhorar a coordenação olho-mão, a agilidade e os reflexos.
  3. Fortalecimento muscular: a corrida e os batimentos ajudam a fortalecer os músculos das pernas, braços e ombros.
  4. Perda de calorias: o padel é uma atividade física que queima calorias, o que pode ajudar na perda de peso e na manutenção de um peso saudável.
  5. Redução do stress: tal como outras práticas de exercício, também o padel ajuda a reduzir os níveis de stress e ansiedade, proporcionando uma forma de descompressão e diversão.
  6. Socialização: jogar em duplas promove a interação social e o trabalho em equipa, ajudando a construir amizades e fortalecer os laços sociais.
  7. Melhoria da saúde mental: o exercício regular, está associado a uma melhoria do humor e da saúde mental, ajudando a reduzir os sintomas de depressão e ansiedade.

Padel: Guia para uma prática sem lesões

Algumas das lesões mais comuns associadas incluem:

  1. Lesões musculares e tendinosas – muito frequente a lesão do tendão de Aquiles
  2. Lesões articulares (ombros, cotovelos e tornozelos);
  3. Traumatismos cranianos;
  4. Traumatismos nas costas.

Dicas para praticar com segurança:

1. Alongamentos antes do jogo: em primeiro lugar, comece sempre com uma sessão de alongamentos para preparar o corpo para a atividade física.

2. Escolha parceiros de jogo adequados: jogue com parceiros que tenham uma condição física semelhante à sua, para garantir um jogo equilibrado.

3. Progressão gradual: inicie com sessões de treino semanais e aumente a frequência gradualmente, evitando sobrecarregar o corpo.

4. Exercícios complementares: integre atividades que fortaleçam os músculos, como exercícios em casa, ginástica, ciclismo ou corrida.

5. Consulta médica e orientação profissional: antes de iniciar padel ou qualquer outra atividade física, especialmente se existirem condições médicas prévias, procure agendar uma consulta. Além disso, obter orientação de um treinador qualificado pode ser benéfico. Mas… o importante é começar a mexer-se! 

6. Equilíbrio entre diversão e cuidado: o Padel é mais do que apenas um jogo; é uma jornada para um estilo de vida mais ativo e saudável. Abordá-lo com a devida precaução e respeito pelo próprio corpo não só minimizará o risco de lesões, mas também maximizará o prazer e os benefícios que este desporto tem para oferecer.

7. Uso do equipamento certo: como óculos e calçados adequados.

Em resumo, o Padel não apenas oferece uma forma divertida e emocionante de se exercitar, mas também traz uma série de benefícios físicos e mentais que contribuem para um estilo de vida mais saudável e equilibrado. Contudo, assim como em todas as práticas desportivas, existem riscos associados que podem ser prevenidos. Jogue com diversão, mas também com moderação.

Veja que outro artigo reservamos para si!

A informação constante neste blogue deve, sempre que necessário, ser abordada com o seu médico e está sujeita a atualizações a que os leitores devem estar atentos.

PARTILHAR

Posso ajudar a manter-se atualizado sobre a saúde.

Receba gratuitamente dicas e conselhos de um médico de família

Navegação

Scroll to Top